Tecnologia

Produtividade nos negócios: a importância da internet das coisas

novembro 12, 2018
IoT Internet das Coisas
Tempo de leitura 3 min

Já parou para imaginar o mundo de hoje sem internet? Provavelmente, as pessoas teriam dificuldade para fazer muitas tarefas. Agora, imagine que todos os objetos estivessem conectados em uma rede. Isso existe: é a internet das coisas (Internet of Things – IoT).

A IoT era vista como inatingível, mas hoje já ajuda diversos setores na melhoria de desempenho. Apresentamos, a seguir, algumas aplicações de IoT e como elas podem melhorar a produtividade em uma empresa.

Aplicações de IoT

Com os avanços tecnológicos trazidos pela 4ª Revolução Industrial, é cada vez mais possível utilizar a internet para integrar dados e monitorar processos. A IoT está no cotidiano e, muitas vezes, nem nos damos conta dela. Veja!

Automação residencial

A automação residencial tem ganhado muito espaço. Controlar luzes, portas e janelas pela tela do celular já conquistou quem pode pagar por esse tipo de tecnologia. Em sistemas mais avançados, é possível controlar até a temperatura da água da máquina de lavar por um aplicativo de celular. Tudo para trazer comodidade e conforto.

Automóveis

Empresas de tecnologia da informação (TI), em parceria com grandes montadoras de automóveis, já desenvolvem maneiras de tornar os carros conectados. Os próprios computadores de bordo, por exemplo, já são um avanço.

Só que eles querem ainda mais: querem que o carro seja capaz de reconhecer a face do motorista e selecionar suas músicas preferidas, seus trajetos mais costumeiros, assim como seus ajustes de altura e distância do banco. Bem futurista, não?

Indústria

As aplicações de IoT na indústria são diversas. Um exemplo é a melhoria do sistema de logística com receptores de informação via radiofrequência (RFID) e leitores de códigos de barras que aumentam a visibilidade da cadeia de produtos e informações.

IoT e produtividade

A IoT ajuda a aumentar a produtividade das empresas. Explicamos, a seguir, como ela faz isso.

Melhor gestão de tempo

A utilização de dispositivos móveis integrados ajuda a gerenciar cronogramas em tempo real, delegar tarefas e administrar o tempo livre. Isso por si só já valeria todo o investimento em IoT.

Ofensiva de dados

A utilização de dispositivos equipados com inteligência artificial permite que apenas os dados relevantes para a empresa sejam analisados. Os gestores também conseguem compreender como a equipe utiliza a IoT para criar ações que aumentam a produtividade.

Simplificação de processos

Como os sistemas estão integrados e as informações são compartilhadas em tempo real, é muito mais fácil descobrir quais são os gargalos de produtividade em diferentes áreas da empresa, como fluxos de trabalho, ocupação e eficiência global. Os gestores podem avaliá-los para tomar decisões sobre recrutamento, gestão de estoque e outras.

Otimização das operações

Ao aliar IoT e big data, a companhia pode alcançar níveis mais altos de produtividade. Isso porque todos os dados são adquiridos, tratados e analisados em tempo real. O acesso simultâneo elimina a necessidade de as equipes perderem tempo para se atualizar sobre os dados.

Como exemplo, já temos sistemas e aplicativos de inventário patrimonial que utilizam esta tecnologia, possibilitando que o processo seja realizado simultaneamente em diversas localidades e as bases sejam atualizadas online.

A verdade é que a IoT, quando bem aplicada, pode ser um grande diferencial competitivo para a organização. Nos próximos anos, a previsão é de que, com ela, a produção mude bastante e todos devem se preparar para não ficar para trás.

Gostou dessas informações? Agora é sua vez: você ou sua empresa já utilizam a internet das coisas? Deixe um comentário para contar sua opinião ou expor suas dúvidas e participar dessa conversa conosco!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up