Ativo Imobilizado, Tributário

Planejamento tributário: Entenda como melhorar o fluxo de caixa da empresa

abril 29, 2019

Muitas empresas ainda não têm um controle fiscal satisfatório, desconhecendo alguns fatores geradores de impostos e a forma como são pagos. Porém, com o aumento da competitividade no mercado, os gestores estão cada vez mais buscando soluções para reduzir os custos, direcionando seus esforços para o planejamento tributário.

A prática oferece benefícios que podem ajudar a empresa a driblar a crise econômica e, de quebra, melhorar o fluxo de caixa. Porém, para ter sucesso com a estratégia, é recomendável que você conte com o apoio de profissionais especializados na função.

Descubra agora como o planejamento tributário pode ajudar pode melhorar a gestão da empresa e até possibilitar a recuperação de créditos tributários

O que é planejamento tributário?

O planejamento tributário é uma estratégia que envolve monitorar e controlar mais de perto todas as movimentações financeiras geradoras de impostos e obrigações fiscais à empresa. Quando bem-feito, permite descobrir formas de se obter deduções, isenções e até direitos à recuperação de tributos já pagos.

Hoje, o governo federal oferece diversos meios de incentivo fiscal e uma consultoria poderia ajudar a empresa a encontrar o que se encaixa com o perfil do negócio. Além disso, os profissionais vivem buscando interpretar corretamente a lei para beneficiar ao máximo o negócio com relação à redução dos impostos.

O que é recuperação de créditos tributários?

A recuperação de créditos tributários é uma prática resultante do planejamento, que envolve o levantamento de todos os tributos pagos, com valores, datas e fatores geradores, e a retomada do que foi pago em excesso ou de forma indevida. Como exemplo, podemos citar o caso da restituição do imposto de renda, muito comum para a pessoa física.

Esse processo pode ser um pouco complexo para ser feito sozinho, já que exige um planejamento tributário bem detalhado. Por isso, contar com o apoio de um especialista é recomendado. O profissional certo ajudará analisando em quais situações a empresa terá direito à recuperação e quais impostos podem ter o pagamento adiado, deduzido ou simplesmente cancelado.

Por que contar com uma consultoria tributária?

A carga tributária no Brasil é pesada, mas com a ajuda de uma consultoria especializada ela pode ser suavizada. Além dessa vantagem, conheça outras que justificam a contratação do serviço. Listamos as principais a seguir.

Permite adaptar o regime tributário

Hoje, a empresa pode escolher ser tributada pelos regimes Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido. Cada modelo de tributação tem características específicas e, por isso, é recomendado para situações diferentes. Nesse caso, a empresa precisa analisar a fundo cada opção para fazer a escolha certa com base em suas necessidades.

Quando a empresa contrata uma consultoria tributária, os profissionais fazem isso por ela e vão além, buscando formas de adequar o negócio ao regime ideal para a atual conjuntura econômica. Imagine quanto a empresa pode economizar em impostos com essa estratégia! Como tudo é feito dentro da lei, os gestores podem ficar tranquilos, já que não há riscos de sonegação.

Proporciona uma gestão mais eficaz

Um dos principais motivos que levam as empresas a fracassarem é a má gestão. Porém, a contratação de uma consultoria tributária deve mudar isso, eliminando os riscos legais que permeiam o negócio. Os profissionais avaliam constantemente o desempenho operacional de todos os departamentos, bem como custos e despesas oriundos dos processos, levando em consideração os fatores geradores de impostos.

Com a ajuda de sistemas próprios e personalizados, os profissionais conseguem implementar uma gestão mais abrangente nos setores, com foco nas questões fiscais e no mapeamento constante das oportunidades de crédito.

Aumenta a credibilidade da empresa

As empresas que conseguem manter suas obrigações fiscais sempre em dia são reconhecidas e mais valorizadas no mercado. Tanto entidades governamentais quanto sócios, acionistas, colaboradores, fornecedores, parceiros, clientes e comunidade passam a enxergar a marca de forma positiva, o que é muito bom para a construção de imagem e reputação. Como resultado, a empresa desenvolve uma forte vantagem competitiva no segmento.

A credibilidade também favorece o acesso às linhas de crédito com valores maiores e juros mais baixos para o financiamento de dívidas próprias e investimento em projetos de expansão.

Evita problemas com o fisco

A consultoria auxilia a empresa na estruturação de uma agenda fiscal e tributária mais eficiente. Isso quer dizer que os gestores passam a contar com ferramentas que alertam sobre as datas de apurações, auditorias, emissões de boletos e pagamentos dos impostos.

Isso impede que os profissionais esqueçam datas importantes e sejam pegos de surpresa com autuações dos órgãos fiscalizadores. Como a gestão tributária fica mais prática e eficiente, a empresa aumenta o controle sobre a forma como as questões fiscais são administradas.

Melhora o fluxo de caixa

Quando falamos em recuperação de crédito, nos referimos ao abatimento nos impostos devidos. Os créditos são utilizados para a compensação de tributos a pagar — e isso significa redução de gastos. Não podemos negar que isso ajuda a dar um fôlego ao fluxo de caixa.

Gera maior economia

Outra grande vantagem de contar com a consultoria tributária é a economia de custos que ela proporciona. Estruturar um setor jurídico e contábil completo envolve a contratação de muitos especialistas, o que pode ser caro para a empresa manter. Além disso, criar um sistema eficiente pode ser demorado.

Já na contratação de uma empresa terceirizada, você transfere essas responsabilidades para a provedora dos serviços, pagando apenas pela consultoria recebida. Como é especializada no assunto, ela usa as melhores práticas, entregando métodos e sistemas que aceleram os processos. A troca de know-how acontece naturalmente e serve como uma forma de capacitação gratuita para os profissionais internos, que manterão o padrão das atividades posteriormente.

E não é só isso: a consultoria ainda libera os gestores e profissionais que ficariam responsáveis pela função para atuarem em áreas mais críticas do negócio, como aquelas que lidam diretamente com a geração de receitas. Ou seja, podem focar mais no core business (atividades-fim), no desenvolvimento e na inovação do negócio.

Como você pôde ver, o planejamento tributário influencia diretamente a saúde financeira e econômica da empresa e, por isso, não pode ser ignorada. Porém, o sucesso da estratégia depende muito do apoio de especialistas. Então, considere a terceirização dessa função para quem já tem experiência e entrega métodos e sistemas eficientes.

Gostou da dica? Aproveite para conhecer mais sobre a recuperação dos créditos tributários sobre o ativo imobilizado!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up