Gestão e Administração

Gestão patrimonial em projetos de investimento: entenda o que é e como funciona

abril 25, 2019

À medida que a empresa cresce, o controle do patrimônio fica cada vez mais complexo e, se não houver um conjunto de processos eficientes, prejuízos serão inevitáveis. O crescimento precisa ser bem planejado para evitar erros que impeçam o negócio de prosperar depois de grande. A gestão patrimonial em projetos de investimento é um dos pontos mais relevantes neste processo.

Foi esse pensamento que nos motivou a desenvolver este post. Queremos ajudar você a ter sucesso nos empreendimentos. Então, descubra a partir de agora como a estratégia funciona e de que forma ela pode ajudar sua empresa a crescer sem problemas!

O que é gestão patrimonial em projetos de investimento?

A gestão patrimonial foca no amplo controle dos ativos da companhia e quando o assunto é expansão, ela deve estar presente desde o início do projeto, já que isso inclui processos de aquisições de bens, direitos e obrigações.

A cada novo projeto incorporado ao negócio, é preciso aumentar os esforços em monitoramento e controle do patrimônio. Por isso, esse modelo de gestão deve entrar em cena e atuar também na fase de planejamento do projeto.

Ou seja, a solução visa dar suporte ao planejamento de expansão, estendendo o controle patrimonial da empresa aos ativos que serão adicionados a ela, ajudando os gestores a tomarem as melhores decisões na hora de colocar o planejamento em prática.

Quais são as vantagens dessa prática?

Incluir a gestão patrimonial nos projetos de investimento pode trazer muitos benefícios ao negócio. Conheça agora os principais!

Acompanhamento dedicado aos projetos

Geralmente, a gestão de patrimônios em projetos de expansão é mais bem aplicada por empresas que prestam consultoria especializada. Nesse caso, o negócio pode contar com profissionais inteiramente dedicados ao processo. Isso pode acontecer logo no início, desde as primeiras aquisições.

Assim, os ativos são individualizados e rapidamente incorporados às bases contábil, financeira e de engenharia de manutenções, o que garante uma gestão ampla e integrada do patrimônio.

Identificação correta dos ativos

Os profissionais de consultoria podem atuar em qualquer área do negócio, garantindo um acompanhamento em tempo real da evolução patrimonial em todos os departamentos. Não importa se a empresa vai lançar uma nova linha de produtos, abrir outra fábrica, investir em tecnologias para otimizar a produção ou melhorar os processos logísticos existentes, essa vantagem permitirá manter a conformidade nas contas do imobilizado definitivo.

Criação de procedimentos

Uma equipe de profissionais especializados ajuda a empresa a definir um conjunto de processos mais eficiente para a realização dos investimentos bem como para o monitoramento e análise dos resultados. Como exemplo, podemos citar o melhor aproveitamento das possíveis depreciações, explorando mais amplamente os benefícios de cada recurso empregado no projeto.

Ou seja, a empresa ganha um mapa operacional que permite controlar os riscos e aproveitar mais as oportunidades do investimento, tudo isso considerando os ativos inclusos no projeto.

Outras vantagens

Além das vantagens citadas acima, o negócio pode se beneficiar de muitas outras formas. A gestão patrimonial em projetos de investimento entrega:

  • conformidade das quantidades e condições físicas reais com os registros realizados na base contábil;
  • criação de um link entre as bases fiscal, física e contábil para aumentar o controle dos ativos;
  • melhor atendimento às exigências fiscais e preparação para auditorias;
  • aumento do volume de recuperação dos créditos tributários;
  • correta destinação para as sobras do projeto;
  • ampliação da segurança das informações;
  • maior segurança para o cálculo de retorno do investimento.

Quais são os riscos de não contar com uma consultoria especializada no processo?

Agora que você já conhece melhor a gestão patrimonial em projetos de investimento, bem como as suas vantagens, descubra os riscos que o negócio corre ao decidir não aplicá-la!

Dificuldades em gerenciar o patrimônio

Possivelmente, os gestores enfrentarão grandes problemas para acompanhar os resultados do projeto, pois, sem uma gestão dedicada aos ativos empregados nele, logo começam a surgir divergências. No início, pode parecer algo pequeno, mas as diferenças vão se acumulando com o tempo, tornando-se algo mais complexo e demorado de resolver.

Classificações contábeis equivocadas

Outro grande problema para as empresas que não contam com uma consultoria especializada na gestão patrimonial em projetos de investimento é o registro equivocado das classificações contábeis dos ativos, gerando taxas de depreciação incorretas.

As classificações incorretas também podem dificultar o controle do CIAP (Controle de Crédito de ICMS do Ativo Permanente), créditos de PIS (Programa de Integração Social) e COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social).

Isso pode impedir a empresa de recuperar os créditos tributários com segurança e ainda chamar a atenção da Receita Federal para possíveis irregularidades no negócio.

Controle de recebimento físico falho

Após as aquisições dos bens físicos que permitirão a concretização do projeto, o recebimento deles nas dependências da empresa precisa ser planejado para facilitar a identificação física e o correto registro contábil linkado com o fiscal. Na maioria dos casos, isso não acontece, gerando atrasos no processo de imobilização do projeto.

Com uma gestão patrimonial dedicada, esse risco pode ser neutralizado, permitindo que a empresa realize todo o processo corretamente e contabilize as depreciações no tempo certo junto com o início da operação.

Alocação incorreta dos ativos

Cada ativo é adquirido para suprir uma necessidade e ter uma utilização específica na operação. Se ele não for devidamente identificado poderá ser alocado incorretamente, com o risco de lançamento dos ativos em centros de custos incorretos, dificultando o fechamento de contas e a geração de demonstrativos financeiros e contábeis precisos.

A gestão patrimonial em projetos de investimento é fundamental para garantir um crescimento sustentável e sem riscos à empresa. Porém, como se trata de uma tarefa complexa e custosa para ser implementada, o ideal é contar com o apoio de uma empresa especializada no assunto. Assim, você ganha acesso a sistemas específicos e profissionais altamente qualificados por um custo bem reduzido.

É por isso que convido você a conhecer a SARAF. Entre em contato agora mesmo e descubra por que a empresa é referência nesse tipo de serviço!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up